fbpx

Jornal

VAI TER CURSOS EM VÍDEO

Durante o ano de 2020, desenvolvemos várias ferramentas que podem reduzir drasticamente seu trabalho e com resultados muito precisos. Por exemplo, o LANÇAMENTO DE EXTRATO BANCÁRIO e DAS E DARF AUTOMÁTICOS, além de várias outras ferramentas também importantes. Constatamos, porém, que vários clientes não vêm utilizando essas ferramentas. Por isso, ao longo do ano, vamos editar vídeos explicativos para você usar os sistemas na sua plenitude.

Leia mais »

LENTIDÃO NA TRANSMISSÃO DE DADOS?

Diariamente nosso suporte é acionado para solucionar demora na emissão de notas fiscais ou de lançamentos contábeis. Às vezes, antes de finalizar a operação, dá algum erro. Ao diagnosticar as razões, nossos técnicos chegam sempre à mesma conclusão: o problema está na conexão com a internet. Muitos, em vez de usar linha física através de cabeamento, usam Wi-Fi ou têm uma internet muito lenta. Para evitar a demora e até mesmo erros na transmissão de dados, use sempre linhas por cabeamento e tenha uma internet mais rápida. Sua dor de cabeça vai acabar.

Leia mais »

UM VERDADEIRO BRINDE

O ramo de atividade da Sibrax é a locação de sistemas. O índice de reajuste de contrato de locação usual é o IGP-M. Todavia esse índice tende a ser bem maior que o índice do INPC, que corrige salários. Por exemplo: o índice do IGP-M de dezembro foi de 24,52%, enquanto o INPC foi de 5,2%. Se fizéssemos a correção de preços dos contratos vencíveis em dezembro pelo IGP-M, um contrato de R$ 420,00, por exemplo, seria reajustado para R$ 522,98. No entanto, fizemos a correção pelo INPC, e esse contrato foi corrigido para R$ 441,84. Portanto esse cliente terá uma economia mensal de R$ 8l,14, enquanto durar o contrato. O momento econômico está difícil, e a Sibrax sempre dá um jeito de ajudá-lo.

Leia mais »

MAIS TEMPO PARA SE APOSENTAR EM 2021

Veja esta matéria importante da Folha de S.Paulo de 28/12/2020. Regras para se aposentar pelo INSS mudam em 2021. Sistemas de transição da reforma da Previdência exigirão mais idade ou contribuições Clayton Castelani A virada do ano trará mudanças em regras de acesso a aposentadorias do INSS, obrigando trabalhadores que ainda não têm direito ao benefício a comprovarem mais tempo de contribuições previdenciárias ou a esperar mais tempo para pedir a renda. As alterações ocorrem nas chamadas regras de transição, criadas pela reforma da Previdência de 2019 para evitar o aumento repentino das exigências de idade mínima e tempo de contribuição, principalmente para cidadãos que já estavam perto da aposentadoria quando a nova legislação passou a valer. Para a maior parte dos trabalhadores da iniciativa privada, são duas as modificações mais importantes: a das regras progressivas de pontos e a das idades mínimas. No sistema de pontos, os segurados do INSS podem se aposentar sem a necessidade de cumprir a idade mínima de 62 anos, para mulheres, e de 65 anos, para homens. Para ter essa vantagem, porém, é necessário atingir o período de recolhimentos previdenciários exigidos na antiga aposentadoria por tempo de contribuição, de 30 anos, para mulheres, e de 35 anos, para homens. Além disso, é necessário que a soma da idade aos anos contribuídos resultem em uma pontuação obrigatória, que sobe a cada ano. Em 2020, os pontos exigidos são 87, para mulheres, e 97, para homens. Em 2021, a pontuação subirá para 88 e 98 para, respectivamente, mulheres e homens. Essa progressão continuará a ser de um ponto por ano até chegar a 92 (mulher) e 100 (homem). Cada ponto equivale a um ano, seja de idade ou de contribuição. Reforma da Previdência completa 1 ano com fila e redução no benefício 1. 2. Quanto à transição com a idade mínima progressiva, o avanço é de seis meses a cada ano. Deste ano para o próximo, mulheres e homens terão suas respectivas idades mínimas elevadas de 56,5 e 61,5 anos para 57 e 62 anos. Para ter acesso à transição com idade mínima progressiva é necessário recolher por 30 anos, para a mulher, ou 35 anos, para o homem, ou seja, também o mesmo exigido na antiga regra da aposentadoria por tempo de contribuição. Apenas para as mulheres haverá uma alteração na antiga aposentadoria por idade, devida a trabalhadoras que, antes da reforma, completavam a idade de 60 anos. A nova legislação impõe o aumento da exigência em seis meses por ano. Em 2021, as seguradas que completarem a carência de 15 anos poderão se aposentar com 61 anos de idade. A idade de aposentadoria dos homens permanecerá em 65 anos. As duas regras de transição que exigem pedágios —acréscimo de porcentagens de 50% ou de 100% do tempo que restava para a aposentadoria por tempo de contribuição em novembro de 2019— não mudam com a virada do ano. Em 2021, também haverá progressões para regras de transição para professores e servidores públicos federais. Veja detalhes

Leia mais »

BACKUP NA NUVEM

A Sibrax desenvolveu um aplicativo que faz seu backup no horário que você indicar, automaticamente e armazena seus dados na nuvem da Amazon, melhor ambiente de segurança do mundo, por apenas R$ 50,00 mensais. Recentemente um cliente da Sibrax teve seus dados sequestrados. Os sequestradores exigiram 100 mil dólares para liberar os dados. Mas ele tinha o backup na nuvem da Sibrax. Em poucos minutos, ele recuperou tudo e, de quebra, deu uma banana para os larápios. Entre em contato com nosso departamento de vendas e tenha mais informações pelo telefone

Leia mais »

NÃO EXISTE MAIS A COTA PATRONAL

Nas orientações e adequações do Manual da SEFIP, o item 4.7.5 orienta o não recolhimento da quota patronal do INSS, nem do RAT, nem de terceiros, nos casos de afastamento temporário referente aos 15 primeiros dias que antecederem ao auxílio-doença ou de acidente. Pois bem, disso se extrai que, caso o empregado fique apenas 15 dias afastado do trabalho, ocorrerá a incidência dos encargos; só haverá a isenção caso o empregado tenha mais de quinze dias de afastamento. Isso traz complicações, pois o empregado poderá ter atestado de 15 dias ou menos próximo do final do mês e, no mês seguinte, ter novos atestados. Como a SEFIP deve ser enviada até o dia 7, haverá a necessidade de retificá-la em casos assim. Cabe lembrar que essa orientação retroage a  competência novembro de 2020. Se houve situações assim nesse período, você deve fazer as retificações e os recálculos das guias e pleitear o reembolso ou a compensação dos valores pagos a maior. Lembramos ainda que, sobre o salário-maternidade, também não há mais esses encargos. A Sibrax vai preparar o sistema da Folha para atender a essa alteração.

Leia mais »

FICAR OU SAIR DO SIMPLES NACIONAL?

Os contadores precisam fazer um planejamento tributário para seus clientes. Existem três formas de tributação: Lucro Real, Lucro Presumido e Simples Nacional. Veja qual das três opções é a mais vantajosa para cada um de seus clientes. Para as empresas comerciais e industriais, o Simples Nacional geralmente é a melhor opção. Já para as empresas prestadoras de serviços do grupo III em diante, é preciso muito cuidado ao enquadrar ou manter empresas enquadradas nessa opção. Dependendo do faturamento e do número de empregados, às vezes, o Lucro Presumido é a melhor opção. Você tem até o fim do mês para enquadrar ou desenquadrar uma empresa no Simples Nacional. Cuidado ao fazer o desenquadramento. Verifique com atenção se a empresa que você está desenquadrando é a mesma que você quer desenquadrar. Ao clique de desenquadrar no sistema, não tem mais volta para o ano todo. Já aconteceu de um cliente da Sibrax se enganar ao desenquadrar uma empresa, e ele teve que completar a diferença dos impostos durante o ano de 2020.

Leia mais »

CUIDADO COM OS ÍNDICES

Anualmente, nos primeiros dias de janeiro, o governo edita, entre outros, o novo salário mínimo, novos valores dedutíveis do IRRF e novos índices de cota do salário-família e da base de cálculo para o desconto do IRRF e da Previdência. Existem sistemas por aí em que é o usuário que faz a alimentação desses dados. Quando ele se esquece de atualizar os índices, o erro é irreparável. A Sibrax faz as atualizações dos índices para você não ter dor de cabeça, mas, atenção, fique atento às novas versões que vamos editar. Sempre que tiver uma nova versão, atualize a sua!

Leia mais »

FELIZ 2021

Feliz ano novo! Esperamos que tudo volte ao normal este ano. Que a pandemia vire história em breve. Esperamos que a economia volte a crescer e que nossos negócios fiquem mais prósperos. Em 2020, fizemos grandes investimentos em tecnologia, e novas ferramentas foram incrementadas para você trabalhar menos e ganhar mais. Temos vários projetos importantes para o este ano. Você vai gostar. Com certeza, 2021 será melhor!

Leia mais »

O JORNAL VOLTA DIA 4

Em virtude das férias coletivas, o jornal volta a circular no dia 4 de janeiro. Este ano foi atípico. A Sibrax esteve presente nos momentos mais difíceis e incertos durante a pandemia de coronavírus. As alterações nos sistemas foram feitas sempre em tempo recorde para atender às mudanças legais. Para aliviar o caixa de seus clientes, no momento mais agudo do fechamento do comércio e da indústria, a Sibrax deu um desconto de 50% na sua fatura. Visando preservar a saúde de seus colaboradores, a Sibrax foi a primeira empresa em Londrina a dispensar seus empregados para trabalharem em casa. Agradecemos a você por confiar em nós mais este ano. Esperamos estar juntos outra vez em 2021. Feliz Natal e próspero 2021. Osvaldo Lima

Leia mais »